Deus quer curar as marcas do seu passado

Precisamos expor nossa dor à luz do amor de Deus, para que Ele possa nos curar

A Palavra meditada está em Malaquias 3,20:

“Mas para os que respeitam o meu nome,a minha justiça brilhará como a luz do Sol que traz saúde nos seus raios.Saltarão de alegria como bezerros que saem do estábulo.”

Ele quer curar as marcas do seu passado

Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Certa vez, visitei um aras. Para quem não sabe, por segurança, alguns cavalos ficam guardados dentro de suas baias. Porém, quando bem tratados e alimentados, ao abrir a porta da baia, os cavalos saem bem agitados, pulando e, mesmo após colocarem o cabresto neles, continuam pulando. Eu perguntei: “O que é isso?”. Disseram-me que eles estavam apenas brincando, pois se sentiam livres e felizes.

Nessa passagem, o Senhor nos mostra que, cheio de alegria e energia, Ele quer nos libertar. Ao sermos libertos de um mal, por meio do amor de Deus, não devemos nos sentir judiados, tristes nem melancólicos, pois a liberdade que o Senhor nos concede tem de nos proporcionar a mesma alegria desses cavalos que saem livres da baia, em um dia de sol, felizes.

Essa palavra tem algumas traduções diferentes, e uma delas diz: “Para vós que buscais a Deus, brilhará o sol da justiça, que tem a cura em seus raios”. É assim que devemos viver, devemos expor à luz do sol da justiça, à luz do amor de Deus, nossa enfermidade, para que Ele venha em nossa auxílio.

Há um tempo, recebemos a visita de uma senhora, no estúdio do ‘Sorrindo para vida’, que veio testemunhar uma cura que havia recebido durante um dos programas. Durante anos, ela convivia com uma dor forte no estômago e uma asma que não a abandonava de jeito nenhum! Depois de diversos tratamentos, percebeu que era algo psicológico, mas, mesmo tratando, os problemas não se resolviam.

Em meio a isso, ela teve de ouvir da sua própria mãe que não era amada por ela; então, percebeu que viveu toda uma vida de rejeição em relação à mãe. Porém, um dia, assistindo ao ‘Sorrindo para vida’, ela sentiu como que a oração penetrasse seu coração, e ela entendeu que não era necessária a aceitação da mãe para que ela fosse feliz; e assim sentiu uma sensação diferente, como se flutuasse, pois se sentia curada e amada. Daquele dia em diante, tanto a dor de estômago quanto a asma sumiram, pois ela descobriu a raiz do problema e, à luz do amor de Deus, foi curada.

Tudo isso só é realmente capaz de acontecer quando estamos em oração, quando nos colocamos diante de Deus, pois Ele é quem nos leva para frente; e mesmo quando as coisas se tornarem escuras, continuemos orando. Lembremo-nos: o tempo fechou? Mais oração, pois com mais oração haverá mais esperança, e somente com esperança no coração conseguiremos seguir em frente. Por isso, é muito importante apresentarmos a Jesus o nosso passado e, diante do Santíssimo, expor nossa história, para que, junto d’Ele, você possa encontrar o que o faz sofrer. Só assim conseguiremos encontrar a cura interior, quando, por meio da oração, Jesus vai até a raiz do conflito.

Por fim, vejo muitas pessoas se perguntando: por que nós, aqui da Canção Nova, alegramo-nos todas as manhãs? Por que sorrir para a vida? Saiba que nós vivemos essa felicidade desde a manhã não porque não temos problemas – pelo contrário, nossa vida aqui é dura –, mas a diferença está em sabermos que ao nosso lado caminha um Deus maravilhoso, e essa é a verdadeira razão de sorrir para vida, saber que nós não lutamos sozinhos. Eu não luto sozinho, nem você luta sozinha, pois Deus está conosco. Todos os dias, eu recebo mais do que mereço, pois Ele é um Deus maravilhoso que mergulha no fundo dos nossos problemas para curar, cuidar e nunca nós deixa solto e desprezado.

Deus está com você e quer iluminar sua vida com a luz do Seu amor.

Márcio Mendes
Missionário da Comunidade Canção Nova

Anúncios