Amor e apreço norteiam nossos relacionamentos

Para que os relacionamentos cresçam e se fortaleçam, o amor e o apreço devem ser a base de tudo

A Palavra meditada está no Filipenses 2,1-11:


Se, portanto, existe algum conforto em Cristo, alguma consolação no amor, alguma comunhão no Espírito, alguma ternura e compaixão, completai a minha alegria, deixando- vos guiar pelos mesmos propósitos e pelo mesmo amor, em harmonia buscando a unidade. Nada façais por ambição ou vanglória, mas, com humildade, cada um considere os outros como superiores a si e não cuide somente do que é seu, mas também do que é dos outros. Haja entre vós o mesmo sentir e pensar que no Cristo Jesus. Ele, existindo em forma divina, não se apegou ao ser igual a Deus, mas despojou-se, assumindo a forma de escravo e tornando-se semelhante ao ser humano. E encontrado em aspecto humano, humilhou-se, fazendo-se obediente até a morte – e morte de cruz! Por isso, Deus o exaltou acima de tudo e lhe deu o Nome que está acima de todo nome, para que, em Nome de Jesus, todo joelho se dobre no céu, na terra e abaixo da terra, e toda língua confesse: “Jesus Cristo é o Senhor”, para a glória de Deus Pai. 

Amor e apreço norteiam nossos relacionamentos

Foto: Arquivo/cancaonova.com

Que exista entre nós o mesmo sentir e pensar que há em Jesus. Como descobrirmos o que Ele sentia e pensava? Basta observarmos a maneira como Ele viveu por meio das Sagradas Escrituras.

Em toda a sua vida, Cristo não fez distinção de ninguém. Quando Ele encontra um coração aberto, rapidamente coloca-se a nos atender. Onde quer que estejamos, abramos nosso coração para o Senhor. À medida que abrimos o coração para Ele, Ele abre o céu para nós!

 ‘Eu te aprecio! Eu te amo’

O Senhor não somente nos aprecia, mas também nos ama. Amor e apreço caminham juntos. Apreciar é valorizar, é reconhecer o valor que o outro tem para nós. Quem ama dá valor!

O amor quer nos preservar, mas o ódio também, porém para nos fazer sofrer. Quem aprecia, logo acaba por amar. Temos de ter cuidado onde colocamos nossa admiração. Saber apreciar é uma graça, e é próprio das pessoas inteligentes.

A inveja não nos permite valorizarmos as pessoas que estão conosco, pois elas não são nossas adversárias. O invejoso se ocupa demais querendo decrescer o outro. Para construir algo precisamos de várias pessoas, porém uma pessoa sozinha tem o poder de destruir tudo a sua volta.

Não precisamos ensinar nossos filhos a desvalorizar as pessoas, pois isso se aprende sozinho. Ensinemos as crianças a apreciar as pessoas, porque o apreço é uma graça e sinal de inteligência. Temos de valorizar às pessoas que o Senhor colocou em nosso caminho! Precisamos amar a todos, porém temos também o direito de nos cercar de pessoas boas, que agregam coisas boas em nossas vidas.

Valorize os amigos que Deus lhe deu

Amigo não é aquele que o coloca em primeiro lugar, mas sim em segundo, porque, em primeiro lugar para ele, sempre vem Deus. São pessoas assim que queremos para nós! Como é bom podermos apreciar as pessoas que Ele colocou em nossa volta!

Todo mundo tem algo especial que nos agrega valores. Saibamos aproveitar cada pessoa que Deus colocou em nosso caminho. A pessoa sabia valoriza a todos! Tem gente que engoliremos, mas isso é questão de sabedoria.

Estimemos a todos, pois todos têm qualidades e também limitações. Fiquemos apenas com o que é bom e deixemos de lado o que não presta. Quem despreza as pessoas não merece nossa raiva, mas sim nossa pena. A pior ignorância não é falta de escola, mas sim aquela que nos leva a desvalorizar as pessoas. Ignorante é quem não ama!

Quem é de Deus escolhe pelo bem!

Jesus nos ama e valoriza. Se as pessoas não lhe dão valor, nós devemos nos dar. Cuidemos de nós! Não nos deixemos destruir nem ser usado e maltratado. Deus nos colocou neste mundo para termos vida, e vida em abundância. Valorizemos para ser valorizados. Não cuidemos apenas do que é nosso, mas também daquilo que é do outro.

A Palavra de Deus deve chegar aos corações

Quando não chegamos aos 100%, significa que o Evangelho não atingiu o coração de muitas pessoas. Precisamos alcançar todos os corações! Aprendamos a cuidar daquilo que não é nosso!

Se nos esforçamos pelo outro, Deus nos exalta. Ele tem feito muito na vida das pessoas por meio da Canção Nova. Essa obra foi feita para cuidar dos outros, para nos instruir, enxugar as lágrimas e trazer alegria.

De quem precisamos cuidar?

Quem nós conhecemos que precisamos valorizar? Estamos agindo com os pensamentos e sentimentos de que Jesus traz o Céu para dentro de nós? Para enfrentarmos as tribulações da vida, precisamos do céu dentro de nós! 

Márcio Mendes
Missionário da Comunidade Canção Nova

Anúncios