POESIA DE SANTA TERESINHA: “Uma rosa desfolhada”

Uma rosa desfolhada

Jesus, quando Te vejo seguro pela tua Mãe
Abandonar os seus braços
E tentar vacilante na nossa triste terra
Dar os teus primeiros passos,
Diante de Ti quereria desfolhar uma rosa
Em plena frescura
Para que o teu pezinho docemente repouse
Sobre uma flor!…
Esta rosa desfolhada é a fiel imagem
Divino Menino
Do coração que quer imolar-se por Ti sem partilha
A cada instante.
Senhor, nos teus altares mais de uma fresca rosa
Gosta de brilhar
Ela dá-se a Ti… mas eu sonho outra coisa:
É desfolhar-me!…
A rosa com seu brilho pode alegrar a festa
Amável menino,
Mas a rosa desfolhada simplesmente lança-se
Ao sabor do vento.
Uma rosa desfolhada sem procura dá-se
Para já não ser.
Como ela com alegria abandono-me a Ti
Menino Jesus.
Passa-se sem mágoa sobre pétalas de rosa
E estes restos
São um simples ornamento que se dispõe sem arte
Assim compreendi.
Jesus, por teu amor prodigalizei a vida
O meu futuro
Aos olhos dos mortais rosa para sempre murcha
Tenho de morrer!…
Por Ti, tenho de morrer, Jesus, Suma Beleza
Que feliz sorte!
Quero ao desfolhar-me provar-Te que Te amo
Ó meu Tesouro!…
Sob os teus pezinhos, quero em segredo
Viver na terra
E quereria ainda suavizar no Calvário
Os teus últimos passos!…

Fonte: afelicidadedesersimples.blogspot.com

Deixe seu comentário, pedido ou sugestão aqui sobre o post

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s